Como tratar e prevenir a onicocriptose?

Como tratar e prevenir a onicocriptose?

A onicocriptose, popularmente conhecida como unha encravada, se caracteriza por uma inflamação no dedo na região que entra em contato com as laterais das unhas. Essa inflamação ocorre quando a unha cresce e entra na pele, ferindo a epiderme.

Quem sofre com a onicocriptose pode apresentar os seguintes sintomas: dor, pele da região avermelhada e inchada devido ao acúmulo de líquido e formação de pus. A origem da unha encravada, que gera todo esse incomodo, pode ser pelo corte errado da unha, uso de sapato apertado ou por um trauma na região desencadeado por tropeções ou queda de objetos pesados sobre a unha.

Tratamento da Onicocriptose

Para tratar um caso leve ou moderado de onicocriptose recomenda-se deixar o pé de molho em água morna diariamente, usar compressas com água quente e passar pomadas com antibiótico. Fazer massagem na região inflamada e colocar algodão com antisséptico na unha para aliviar a dor ou consultar um podólogo.

Para tratar casos mais sérios com grande infecção ou quem tiver diabetes ou má circulação sanguínea é preciso consultar um médico.
Ele poderá indicar remédios, o uso de adaptadores que orientam o crescimento da unha e até mesmo cirurgias para corrigir a unha como o processo de reeducação ungueal definitivo que remove parte da lateral da unha, eliminando a possibilidade de encravar.

Já que a onicocriptose incomoda e pode apresentar complicações, o mais indicado é preveni-la.

Para isso, quando for cortar as unhas não arredonde os cantos, nem as corte muito curtas. Use sempre tesouras ou alicates limpos, higienizados e afiados. Caso as unhas sejam muito grossas, deixe os pés de molho em água morna para amolecê-las e facilitar o corte. Não use sapatos apertados.

Aprenda os 5 passos para obter o PÉ PERFEITO aplicando a metodologia SPA DO PÉ!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *